METODOLOGIA OSTEOPATIA EBRAFIM

O aprendizado de Osteopatia permite ao estudante entender o processo de formação da doença com base na anatomia, fisiologia, biomecânica e biodinâmica dos tecidos. Este trabalho pode ser utilizado dentro de qualquer uma das áreas da Fisioterapia e tem excelentes resultados na intervenção clínica, muito superiores a qualquer forma de tratamento de Fisioterapia convencional. Para sua aplicação, o estudante depende apenas de seu esforço para compreender e aplicar seus princípios e certa habilidade na execução das técnicas, o que pode ser aprendido por qualquer um após um período de treinamento. O processo de cura não está vinculado a um dispositivo, instrumento, ou qualquer tipo de acessório, mas a capacidade de recuperação de cada organismo e o papel do Osteopata é ajudar o paciente a encontrar este caminho.

 

ASSISTA NOSSO VÍDEO DE APRESENTAÇÃO - CLIQUE AQUI

OSTEOPATIA ESTRUTURAL

Nesta etapa de formação o aluno participará de seminários, onde serão apresentados conceitos básicos da Osteopatia, anatomia aplicada, biomecânica articular aplicada, disfunções osteopáticas, técnicas de avaliação e tratamento para cada disfunção, desde a coluna cervical alta até todas as articulações do pé. Ainda nesta etapa estão incluídos seminários sobre mobilização articular de Maitland, Mobilização Combinada, Neurodinâmica, Reeducação Postural Global, Imaginologia e Raciocínio Clínico.

OSTEOPATIA VISCERAL E CRANIANA

Nesta etapa da formação o aluno poderá relacionar todas as condições patológicas do sistema estrutural, com a função e disfunções dos sistemas viscerais, articulações do crânio, articulação temporomandibular, plexos nervosos e neuromeninge. Poderá também conhecer conceitos que explicam de acordo com um modelo biológico, como cada tipo de conflito emocional que vivemos influencia nossas células, tecidos e nosso Sistema Nervoso Autônomo, de acordo com as 5 Leis de Hamer, proposto pela Nova Medicina Germânica. Todos os conceitos estudados levam em consideração a evolução do homem, da sociedade e a relação de cada pessoa com seu ambiente, permitindo a construção de uma nova hipótese de diagnóstico para qualquer tipo de doença, desde o câncer até qualquer tipo de tendinite. 

 

OSTEOPATIA ESTRUTURAL
01 - Introdução e Osteopatia na Coluna Lombar
02 - Osteopatia na Caixa Torácica (Vértebras torácicas e Costelas)
03 - Osteopatia na Coluna Cervical
04 - Osteopatia na Pelve (Ilíaco)
05 - Osteopatia na Pelve (Sacro)
06 - Exercícios complementares de correção Osteopática
07 - Osteopatia nos Membros Superiores
08 - Osteopatia nos Membros Inferiores
09 - Osteopatia nas Vértebras de transição e Diafragma
10 - Mobilização Neural em Osteopatia
11 - Osteopatia Científica e metodologia de pesquisa

OSTEOPATIA VISCERAL
01 - Visceral - Tórax, Garganta e Ausculta
02 - Visceral - Abdôme I
03 - Visceral - Abdôme II
04 - Visceral - Pelve
05 - Imaginologia e Raciocínio Clínico em Osteopatia

OSTEOPATIA CRANIANA
01 - Crânio - Ausculta e Plexos
02 - Crânio - Ossos do Crânio
03 - Crânio - Neuromeninge
04 - Crânio - Orofacial
05 - Osteopatia nas Disfunções Temporomandibulares
06 - Osteopatia no Sistema Nervoso Autônomo
07 - Integração de Sistemas em Osteopatia
08 - Osteopatia Psicobiológica

CERTIFICAÇÃO EM OSTEOPATIA (C.O.)
01 - Liberação somatoemocional em Osteopatia
02 - Osteopatia Psicobiológica Avançada
03 - Manipulação do sistema nervoso periférico
04 - Manipulação Vascular
05 - Osteopatia Pediátrica
06 - Manipulação dos nervos cranianos
07 - Reabilitação Vestibular
08 - Osteopatia Sensorial
09 - Posturologia em Osteopatia

CONHEÇA MAIS SOBRE OSTEOPATIA VÍDEO

CERTIFICAÇÃO EM OSTEOPATIA (C.O.)

Durante a Formação complemtar o aluno terá oportunidade de estudar técnicas e sistemas mais específicos dentro da Osteopatia, como as manipulações vasculares, de nervos periféricos, sistema vestibular, técnicas aplicas aos olhos, língua, nariz, ouvidos, sistemas mais aprofundados de avaliação e tratamento das disfunções somatoemocionais e osteopatia aplicada a pediatria. Este curso é obrigatório para alunos que desejam prestar a prova de especialidade do COFFITO, pois somado a formação em Osteopatia serão completadas 1.000 horas de Osteopatia.    

SISTEMA DE ENSINO

1 - Equipe qualificada de professores com experiência clínica e acadêmica.

2 - Materiais didáticos incluindo apostilas e vídeos de cada uma das técnicas ministradas em aula.

3 – Resolução de Casos Clínicos em aula para melhor entendimento das cadeias lesionais.

4 - Material de apoio para estudo complementar em plataforma EaD.

5 - Assista o vídeo de Apresentação de nossa plataforma de Ensino - Vídeo

ATIVIDADES DE EXTENSÃO

1 – Acompanhamento de atendimentos pelos professores por prontuário digital.

2 – Documentação em sistema de horas de estudos complementares e atendimentos Clínicos em Osteopatia. 

3 – Estágio Supervisionado por Professores (voluntário) em diferentes cidades do Brasil.

4 – Estágio de observação agendado, na Clínica Escola EBRAFIM. 

5 - Estágio EBRAFIM Academia de Polícia VÍDEO

6 - Estágio EBRAFIM QualyCursos VÍDEO

7 - Estágio EBRAFIM CEFIS VÍDEO

 

PESQUISA

Por entender que a pesquisa faz parte dos pilares que sustentam o ensino de qualquer ciência, oferecemos aos nossos alunos condições de incentivo e apoio nesta área.

1-  Em nossa grade oferecemos uma disciplina de Osteopatia Científica, onde o aluno terá a oportunidade aprender a utilizar e confrontar resultados de pesquisas cinetíficas.

2 - Temos um Convênio com a Revista Fisioterapia Brasil e a meta de publicar um suplemento de Osteopaia por ano, junto a uma das edições da Revista. Os Trabalhos de Conclusão de Curso poderão ser aproveitas para isso.

  

CERTIFICAÇÃO

Os alunos que cumprirem todos os requisitos necessários em relação ao aproveitamento de frequência e avaliações poderão ser certificados como: 

1 – Formação em Osteopatia (após a conclusão de 2 anos de curso) - 730 horas

2 – Especialização Lato Sensu (após a conclusão de 2 anos de curso)

3 – Formação Complementar em Oteopatia (mais 270 horas de curso, necessárias para prova de Especialidade COFFITO*, completando um total de 1.000 horas). 

4 – Certificação em Osteopatia EBRAFIM (C.O.) - Poderão concorrer a avaliação alunos com 1.000 horas de Formação em Osteopatia pela EBRAFIM.

5 – Diplomação Internacional em Osteopatia (D.O.) - AIOS - Associação Internacional de Osteopatia no Esporte

*Para concorrer a prova de especialidade do COFFITO é obrigatório comprovar também 500 horas de prática supervisionada em Osteopatia.


HISTÓRIA E LEGISLAÇÃO - CLIQUE AQUI

FIDELIZAÇÃO EBRAFIM

1 – Nossos alunos podem refazer disciplinas perdidas com custo muito abaixo dos valores normais, desde que haja vagas disponíveis na turma de interesse. 

2 – Nossos alunos tem condições especiais de pagamento, para os nossos cursos de formação complementar.

3 – O aluno não perde o acesso ao nossos sistema de estudos e prontuários, mesmo após sua formação.


10 MOTIVOS PARA ESTUDAR NA EBRAFIM - CLIQUE AQUI

Desenvolvido por: Doctus Tecnologia ®
Todos os direitos reservados.